De todos os loucos do mundo, escolhi você…

ddf

“De todos os loucos do mundo escolhi você, porque a sua loucura parece com a minha” e com essa música eu inicio meu texto especial do Dia do fã.

Hoje é um dia que eu me coloco como integrante. Algumas pessoas me questionaram ultimamente quem são as minhas inspirações. São tantas que passaria uma vida falando delas. Artistas da música e do cinema, escritores, jornalistas e diretores.  Sem contar os animes, sagas e séries, cujas histórias também trazem algum tipo de inspiração para mim .

Sou apaixonada por estas coisas. Muitos julgam futilidade, coisa de criança, adolescente, que seja! Mas só eu sei a importância que cada uma dessas coisas tem para mim.

Sou fã de artistas, animes, séries, sagas, livros, autores. Sou fã de tudo aquilo, usando as palavras de Renato Russo na música Sereníssima, desperta o meu desejo. Em outras palavras, sou fã daquilo que me inspira de alguma forma,  mas que meu coração por algum motivo escolha gostar.

Porém, não faço o tipo de fã histérica, que chora, grita, só diz ‘lindo’ e tudo mais. Eu sou daquelas fãs que procuram  acompanhar as novidades da coisa que gosta, ter tudo sobre, saber tudo sobre e que acima disso tudo,  tiram dessa admiração algo para a vida. De tudo que sou fã procuro tirar algo bom, um aprendizado para a vida. Por este motivo não me refiro a eles como ídolos, mas sim como exemplos,  sejam eles como profissionais ou pessoas que eu gostaria de ser um dia. Boa parte destes exemplos está na música e no cinema. A outra parte das minhas referencias estão nos animes, séries, livros e sagas  que vejo. Dos animes e ou mangás que vejo, posso citar Kamisama Hajimemashita, onde aprendi que as vezes  é preciso dar uma chance para alguém provar que é capaz de mudar. Inuyasha, que é outro anime que vejo e revejo quase que sempre mostra através do personagem principal que o amor é capaz de transformar até o coração mais arredio. E neste mesmo grupo de animes e mangás, também sou fã de Hiiro no Kakera, Kuroshitsuji, Hakuouki e Inu x Bolu SS.

Saindo deste grupo e indo para as séries, não perco um só episódio ou novidade sobre Supernatural e The Big Bang Theory. E antes disso já era fã de House M.D. Uma série que me apresentou Hugh Laurie, do qual me tornei fã também e descobri tempos depois que além de um ator brilhante é um exímio instrumentista.

Quanto as sagas, nem preciso dizer que sou PotterHead né? Sou fã de carteirinha da saga criada por J.K Rowling. Boa parte dos atores cinematográficos que gosto saiu dos filmes que foram inspirados em sua obra. E mesmo apesar de tanto tempo, Harry Potter ainda possui fãs que como eu, vê, revê e torce para a volta do jovem bruxo nas livrarias e nos cinemas.

Contudo, como disse anteriormente a lista é enorme. Ficaria uma vida toda falando dessas coisas que apesar de muitos acharem uma futilidade, são coisas e pessoas que Deus colocou no meu caminho com uma única finalidade: o de me fazer bem. Porque mesmo que eu não conheça a maioria deles, só de saber que eles existem já me basta. Afinal ser fã é isso, você gosta e na maioria das vezes nem sabe o porquê. Só gosta! E gosto é que nem aquele buraco… Que cada um tem o teu e temos mais é que respeitar!

E aos meus ídolos…

Se não fosse vocês não seria o que sou hoje e nem mesmo teria os valores que carrego comigo!

Logo…

Thanks!

Arigatô Gozaimasu!

Gracias!

Merci!

Obrigada!!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s